Tsuritama é a história de Yuki, um rapaz extremamente timido, hiper super mega socially awkward, que quando fica muito nervoso fica sem ar e faz uma cara tão feia que assusta toda a gente. Quando se muda para uma nova cidade com a sua avó, aparece na turma nova um alien. E o alien quer que o Yuki aprenda a pescar.

A review pode conter spoilers.

Pois é, este é um anime sobre pesca. E o meu interesse pela pesca ronda algures pelo 0, mas é este o dom do anime: prender aos temas mais random e improvaveis com histórias curiosas e animação bem feita.

O Haru, o nosso alien, por muito irritante que seja, vai soltar o Yuki e a pesca vai permiti-lo fazer amigos. No entanto, o objectivo é pescar um outro alien, muito perigoso, que se encontra no fundo do mar. Portanto temos toda uma misturada de extraterrestres que controlam as pessoas fazendo-as dançar, de organizações anti-extraterrestres e de quatro adolescentes a pescar.

Não é só a pesca, claro. É todo o ambiente familiar das personagens e as relações entre elas. É a forma como a história está contada, com muito humor, muitas reflexões, que a dada altura deixa de ser tão estranha e passa a fazer todo o sentido.

As personagens estão muito bem conseguidas, cada uma com a sua individualidade, a sua personalidade e o seu papel a desenrolar na história.

A animação está muito boa. Não é o estilo mais habitual, mas é fluído, colorido e muito agradável.

História (7)

Animação (8)

Som (8)

Personagens (8)

Entretenimento (8) => Total 8