Numa ilha do Mediterrâneo, Regalo, numa cidade de mercadores, existe uma família poderosa que assegura a segurança. Cada membro desta família, família no sentido de mafia, tem um contracto com uma carta do tarot que lhe confere um poder especial.

Na festa de aniversário do chefe da familia, o Papa anuncia que se vai reformar e que haverá um torneio para decidir quem será o próximo chefe. Quem ganhar terá o direito de casar com a sua filha, Felicitá.

A Felicitá anda no meio de um grupo de rapazes, o qual forma o seu reverse harem mafioso.

Um reverse harem com acção, poderes especiais e uma espécie de mafia fofinha de quem as pessoas gostam.

Tem elementos extremamente obvios, como os dois rapazes principais estarem sempre a discutir, um ser super certinho e composto e o outro estouvado, e por isso é óbvio que serão melhores amigos. Os outros membros do harem não são nada de novo também, o cãozinho que a segue para todo o lado, o rebelde, o mauzão estiloso, o careca tipo irmão mais velho, o estouvado. Enfim. Pelo menos ela não é uma atrasada mental e dá pontapés e atira facas.

A animação é razoável, mas não surpreende.

Resumindo e concluindo: nada de especial.